Máquinas & Equipamentos Mercado de Locação

Tecnologia e saúde: paranaense Medicalway investe em fabricação própria e locação de equipamentos médicos

Há mais de 20 anos no mercado de equipamentos médicos, atualmente com sedes no Paraná, Rio Grande do Sul e Santa Catarina, a Medicalway ganhou força no segmento de saúde com os cases do 7Lives – Helmet, a cápsula respiratória que salvou vidas na pandemia, e o Robô Rosa (ROSA® Knee System), para cirurgia de implante de prótese de joelho. Com a união cada vez mais forte da tecnologia com a saúde, a empresa agora investe na fabricação de produtos próprios e intensifica a locação de equipamentos médicos, ampliando o acesso a profissionais e pacientes.

“Com a locação de equipamentos médicos, queremos dar acesso a tecnologias avançadas para aqueles clientes que não têm orçamento para adquirir um equipamento próprio. Além disso, a locação oferece vários benefícios, como a possibilidade de renovação de tecnologia periodicamente e abatimento fiscal. Além disso, também estamos desenvolvendo produtos de fabricação própria que serão complementares às nossas linhas de equipamentos, como Equipos para Bombas de Infusão e Transdutores de Pressão Invasiva. A ideia é continuar trabalhando pra trazer soluções inovadoras e com custo acessível para os nossos clientes”, afirma Antonio Carlos Muller Mello, CEO da Medicalway.

A empresa possui um amplo portfólio de equipamentos para Centro Cirúrgico e UTI, como Ventiladores Pulmonares, Monitores de Paciente, Máquina de Anestesia. E também a Linha de Imagem, com máquinas de Ultrassom, Mamografia e Arcos Cirúrgicos. A principal região de atuação é a Sul de Brasil, com clientes como Santa Casa de Misericórdia de Porto Alegre, Unimed Litoral, Pilar Hospital, Hospital Marcelino Champagnat, entre outros importantes clientes.

“Nosso objetivo, que hoje já é realidade, é disponibilizar as melhores tecnologias, preços, financiamentos e condições acessíveis ao mercado, acompanhamento pós-venda e suporte técnico qualificado e ágil. Para isso contamos com mais de 80 colaboradores, alguns com mais de 25 anos de experiência no nosso mercado, trabalhando todos por um mesmo propósito: ajudar nossos clientes a seguirem mantendo e salvando vidas”, complementa Mello.

O setor da saúde está cada vez mais aquecido e, por conta disso, os fabricantes investem muito dinheiro em desenvolvimento de novas tecnologias. “Nossos fornecedores todo ano lançam diversos novos produtos que agregamos ao nosso portfólio, produtos com funções e características que facilitam, otimizam e trazem mais segurança ao usuário e ao paciente. Dois bons exemplos disso são a Conectividade e a Cirurgia Robótica”, conta.

O Brasil foi um dos primeiros países da América Latina a oferecer aos pacientes o acesso a um inovador sistema robótico para uso em cirurgia de implante de prótese de joelho, a artroplastia (prótese) de joelho primária – o ROSA® Knee, desenvolvido pela Zimmer Biomet, empresa multinacional americana e líder global em saúde musculoesquelética, representada pela Medicalway. Na capital paranaense, o pioneiro com a tecnologia robótica em cirurgia ortopédica foi o Pilar Hospital, no ano de 2021. Atualmente, o número total de equipamentos aumentou: são sete estados brasileiros e 13 hospitais em que o robô está presente.

ROSA® Knee System é um sistema cirúrgico assistido por robô, projetado para ajudar os cirurgiões na realização da cirurgia de substituição total do joelho, com recursos para auxiliar nas ressecções ósseas, bem como avaliar o estado dos tecidos moles para facilitar o posicionamento do implante no período intraoperatório. O sistema fornece uma análise contínua de dados para auxiliar na tomada de decisões complexas e permite que os cirurgiões usem a tecnologia de computador e software para posicionar instrumentos cirúrgicos, permitindo grande precisão durante os procedimentos.

A Medicalway também ganhou destaque no mercado durante a pandemia do coronavírus, com o lançamento do 7Lives – Helmet, uma cápsula respiratória que visa auxiliar na respiração dos pacientes que têm dificuldade por conta dos danos causados pelo Covid, conseguindo assim evitar a intubação em vários casos, deixando as máquinas disponíveis apenas para os mais críticos. “A Medicalway se viu numa situação onde tínhamos muitos clientes precisando de equipamentos para conseguir atender pacientes em estados graves de Covid, e já não tínhamos equipamentos disponíveis em estoque e nem a possibilidade de importar, pois lá fora também estavam esgotados. Procuramos encontrar uma solução simples, com um custo acessível e que pudesse ser produzido aqui mesmo para atender os hospitais com máxima agilidade! Junto com o time de engenharia da Agile Med iniciamos os estudos e lançamos o capacete”, finaliza Mello.

Fonte: Saúde business

0 comentário em “Tecnologia e saúde: paranaense Medicalway investe em fabricação própria e locação de equipamentos médicos

Fale Conosco
%d blogueiros gostam disto: